Quem não gosta de pegar um carro limpo e cheiroso? E não é apenas questão de gosto! Lavar o carro periodicamente é importante.

O acúmulo de sujeira pode prejudicar componentes mecânicos, lataria, revestimento automotivo e até a saúde dos passageiros.

Se você é desses que gosta de lavar o automóvel em casa, mesmo que de vez em quando, é preciso tomar alguns cuidados.

Alguns erros no momento da lavagem trazem danos ao carro. Veja aqui exemplos e saiba como evitá-los.

4 erros ao lavar carro para conhecer e evitar

1.      Não se atentar ao tipo de esponja utilizada

As esponjas de cozinha ou de banho, por exemplo, não foram produzidas para passar por uma superfície sensível como a da pintura dos carros.

Esse é um problema que pode danificar a lataria de seu automóvel e, assim, causar manchas e riscos.

É preciso contar com uma esponja própria para realizar a lavagem, do tipo que “suga” a sujeira para dentro de suas vibras.

Ao utilizar essa alternativa, lembre-se de trabalhar com dois baldes: um para liberar a sujeira da esponja e outro para enxaguar bem.

2.      Não se atentar ao tipo de sabão

Produtos utilizados para lavar louças, como sabão e detergente, não são adequados para a limpeza do carro.

Os detergentes automotivos e outros produtos próprios para lavar carros contêm fórmulas mais poderosas para a remoção da sujeira.

E o melhor: são produzidos de forma que não causam qualquer dano à pintura.

3.      Limpar o carro inteiro com o mesmo pano

No momento de lavar seu automóvel não economize panos e tenha um para cada parte do carro.

Utilizar o mesmo pano para o pneu, interior e lataria irá danificar e remover a proteção que a pintura de seu carro possui.

Tenha um pano exclusivo para os pneus, um macio para o interior e outro igualmente macio para secar a lataria.

4.      Não limpar o revestimento automotivo

Quando vamos cuidar da limpeza do carro em casa é muito comum que nosso foco e atenção fiquem voltados à lataria.

Com isso muitos ignoram os revestimentos automotivos, acreditando, inclusive, que seja um processo de limpeza difícil.

Com um aspirador de mão, solução de água e detergente, uma escova de cerdas macias e um pano limpo e seco é possível limpar a maioria dos tecidos automotivos.

Você pode conferir em nosso blog dicas de como limpar o revestimento automotivo de couro, por exemplo, aqui e, ainda, dicas para lavar o banco do carro aqui.

Da próxima vez que for deixar seu carro limpo e cheiroso não se esqueça de, também, caprichar no revestimento automotivo.

Gostou deste artigo? Continue acompanhando nosso blog e tenha acesso a mais dicas e informações sobre o mundo dos carros.

Até a próxima!